quarta-feira, 31 de agosto de 2011

JUVENTUDE DE BELÉM VISITA A COMUNIDADE VOCACIONAL

Dia 23/08, os jovens Thalmus, Luciana, Thália, Anderson e Carol, da Capela de Lourdes, em Belém-PA, passaram em Fortaleza, voltando de MADRI, da Jornada Mundial da Juventude para conhecer e fazer uma visita aos amigos Arthur e Clebson.
Conheceram nossa casa, encontraram os outros jovens que também fazem o discernimento vocacional e seguiram viagem rumo a Belém.

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Homens Santos - Profetas!

Precisamos de profetas

Quem passa por um edifício em construção, pode ver placas dizendo: "Precisamos de pedreiros". Lojas de comércio alternam: "Precisamos de vendedores". Infelizmente não podemos colocar nas portas das Igrejas: "Precisamos de profetas e profetizas". Entretanto, é bom espalhar por aí que isso é uma necessidade urgente e que se apresentem os/as candidatos/as. Não estranhem o fato de que, diferentemente de outros ofícios, a missão de profeta quase nunca é bem aceita e reconhecida. Muitas vezes, gera até incompreensões e rejeições injustas. No tempo em que viveu no sertão do Nordeste, o padre Alfredo Kunz dizia: "Aqui, os urubus é que fazem o serviço de limpeza pública, já que as prefeituras não assumem. Todo mundo sabe disso. Entretanto, eu já vi gente criando todo tipo de pássaros, mas nunca vi ninguém criar urubu. Os urubus são necessários, mas ninguém os quer perto. Urubus me lembram os profetas de Deus, necessários, mas frequentemente rejeitados".

Não é difícil celebrar a memória de profetas mortos. O evangelho denuncia que os fariseus e mestres da lei matam os profetas e depois erguem para eles belos túmulos, contanto que continuem mortos (Mt 23). Atualmente, em certos ambientes eclesiásticos, quando alguém fala em profetas como Mons. Oscar Romero, arcebispo de El Salvador, assassinado por militares da ditadura salvadorenha e, aqui no Brasil, Dom Hélder Câmara, ex-arcebispo de Olinda e Recife, há quem os elogie, mas conclua com certo cinismo: "o tempo deles era outro. Hoje não pode mais ser assim". E assim, estes religiosos dos tempos novos se recolhem em seu mundinho de paramentos, ritos paroquiais e segredos de cúria.

Para quem a espiritualidade significa caminho de amor e solidariedade universal, o mês de agosto recorda a memória de vários mártires da justiça do reino divino. No dia 10 de agosto de 1974, frei Tito Alencar, terrivelmente torturado em seu corpo e sua alma, procurava a paz na morte. No dia 12 de agosto de 1983, na Paraíba, era assassinada Margarida Alves, presidente do Sindicato de Trabalhadores Rurais de Alagoa Grande. Além de vários homens e mulheres que deram a vida pela causa do reino, em agosto, partiram deste mundo três bispos católicos que marcaram muito a caminhada da Igreja no Brasil como profetas da paz e da justiça: Dom Antônio Fragoso, bispo emérito de Crateús, no Ceará e um dos primeiros bispos ligados à Teologia da Libertação; Dom Luciano Mendes de Almeida, arcebispo de Mariana, MG, e ex-presidente da CNBB que, em 2006, partiu no dia 27 de agosto, mesma data em que, sete anos antes, no Recife, nos tinha deixado Dom Hélder Câmara.

A missão de uma pessoa religiosa é ser testemunha da presença divina no mundo e atuar para que a sociedade se transforme de acordo com o projeto divino de paz e justiça para todos. Por isso, é bom recordarmos a profecia de pastores como Hélder Câmara, Antônio Fragoso e Luciano Mendes de Almeida. Todos os três, cada qual em sua área de atuação e do seu modo, conduziram a Igreja do Brasil pelo caminho da profecia.
Na memória destes três profetas da Igreja, nos damos conta da herança profética que recebemos e, junto com cristãos, pessoas de outras confissões e todos os homens e mulheres que acreditam no amor e na justiça, renovamos nosso compromisso de serviço aos irmãos e luta pacífica para transformarmos este mundo.

Em 1994, Dom Hélder mandava esta mensagem ao movimento italiano Mani Tesi (Mãos Estendidas): "Não estamos sós. Por isso, não aceito nunca a resignação nem o desespero. Um dia, a fome será vencida e haverá paz para todos. A última palavra neste mundo não pode ser a morte, mas a vida! Nunca pode ser o ódio, mas o amor! Precisamos fazer com que não haja mais desespero e sim esperança. Nunca mais vençam as mãos enrijecidas contra o outro e sim o que o movimento de vocês valoriza: Mãos estendidas! Unidas na solidariedade e no amor para com todos". (Marcelo Barros).

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Despertar vocacional 2011 - Santa Terezinha e Presidente Vargas.

Os Vocacionados internos, prepararam dois momentos de despertar vocacional para este mês de agosto.
Os jovens interessados participaram e gostaram da experiência.
Rezemos ao Deus da vida que envie mais operários para a vossa messe.
São Pedro Claver, Rogai por nós.

DESPERTAR VOCACIONAL 2011

“Foi um maravilhoso encontro com Deus, uma oportunidade que todos deveriam conhecer” (Felipe Veras – Presidente Vargas)


Com essas palavras foi definido o que representou o Despertar Vocacional para um jovem da Paróquia Nossa Senhora do Pérpetuo Socorro, no bairro do Modubim, Fortaleza/CE.


Nesse mês vocacional, ocorreram dois momentos de Despertar Vocacional: o primeiro, no dia 20/08, na comunidade Santa Terezinha, e o segundo, no dia 28/08, na comunidade Presidente Vargas.


Esses encontros, voltados para a juventude, foram uma oportunidade em que se pôde discutir e esclarecer o que vem a ser vocação, apresentando os diversos caminhos de seguimento a Deus, com o fim de despertar a juventude para a importância de se descobrir a sua vocação.




quinta-feira, 18 de agosto de 2011

A quem amar??? (Santo Alberto Hurtado - jesuíta)


Que neste dia aprendamos a ser como Jesus, amar, acolher, perdoar e servir... sempre... sorrindo ... gastando a vida... Viva Santo Alberto Hurtado, um santo dos pobres...

Biografía Santo Alberto Hurtado - Jesuíta


Hoje é dia de Santo Alberto Hurtado - Santo Jesuíta chileno.

Vejamos parte da homilia do Papa Bento XVI em sua canonização em 2005.

"Amarás ao Senhor, teu Deus, com todo o teu coração... Amarás o teu próximo como a ti mesmo"(Mt 22, 37.39). Foi este o programa de vida do santo Alberto Hurtado, que se quis identificar com o Senhor e amar os pobres com o seu amor. A formação que recebeu na Companhia de Jesus, consolidada pela oração e pela adoração da Eucaristia, levou-o a deixar-se conquistar por Cristo, sendo um verdadeiro contemplativo na acção. No amor e na entrega total à vontade de Deus encontrou a força para o apostolado. Fundou El Hogar de Cristo para os mais necessitados e para os sem-tecto, oferecendo-lhes um ambiente familiar cheio de calor humano. No seu ministério sacerdotal ele sobressaía pela sua sensibilidade e disponibilidade para com o próximo, sendo uma imagem viva do mestre "manso e humilde de coração". No final dos seus dias, entre as grandes dores da enfermidade, ainda teve forças para repetir: "Estou contente, Senhor, estou contente", expressando assim a alegria com que sempre viveu.

Senhor, fazei-nos apaixonados pelo teu povo! Amém.


sábado, 6 de agosto de 2011

Nosso Padre Geral visitando o MAGIS

Uma visita importante no Magis, o Pe. Geral, certamente confirmando a fé de nosso jovens e jesuítas.

First day

Beleza de vídeo antes e durante da abertura do MAGIS 2011 na Espanha.
Confira.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

ABERTURA DO MAGIS 2011

DESTA VEZ OS BRASILEIROS ESTÃO PRESENTES... QUE ALEGRIA!
Começou hoje a noite na Espanha em Loyola o MAGIS.
Somos 28 brasileiros presentes, entre eles alguns jesuítas do Brasil.
Em breve mais detalhes...


MAGIS _ LOYOLA 2011.

Vamos acompanhar com nossas orações o Magis 2011.
Vários ja viajaram do Brasil para Espanha, muitos jesuítas e muitos jovens de várias obras nossas.
A experiência certamente será tocante, viver os passos de Inácio, antes da Jornada mundial. Serão quase 3000 jovens de várias províncias do mundo.
Nosso Coordenador da Pastoral Vocacional da Província do Nordeste do Brasil, Pe. Agnaldo, já viajou, com ele foi o Geison, jovem de nossa paróquia do mondubim e vocacionado interno. Outros jesuitas de nossa província também foram com outros jovens, Pe. Jean, Pe. Erinaldo, Ir. Bira... acompanhemos!
Através deste endereço poderemos ter uma noção do que será o Magis. http://www.magis2011.org/ppal/index.asp?lg=1&op=0&id=

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

DIA DO PADRE...


O Dia do Padre é celebrado oficialmente em 4 de agosto, data da festa de São João Maria Vianney, desde 1929, quando o Papa Pio XI o proclamou "homem extraordinário e todo apostólico, padroeiro celeste de todos os párocos de Roma e do mundo católico".

Padroeiro é o representante de uma categoria de pessoas, cuja vida e santidade comprovadas estimulam a uma vida de fé em comunhão com a vontade de Deus. Tendo em vista essa explicação, vamos entender por que a Igreja o escolheu como exemplo a ser seguido pelos sacerdotes, na condução de seus rebanhos.

Esse santo homem nasceu na França, no ano de 1786, e depois de passar por muitas dificuldades, por conta das poucas habilidades, foi ordenado sacerdote. Mas o bispo que o ordenou acreditou que o seu ministério não seria o do confessionário, entendendo que sua capacidade intelectual seria muito limitada para dar conselhos.

Então, ele foi enviado para a pequenina Ars, no interior da França, como auxiliar do padre Balley, o mesmo que vislumbrou, por santa inspiração, seu dom de vocação, e por confiar nele o preparou para o sacerdócio. E esse pároco, outra vez inspirado, acreditou que o dom dele [São João Maria Vianney] era justamente o do conselho e o colocou servindo no confessionário.

Assim, padre João Maria Vianney, homem justo, bom, extremado penitente e caridoso, converteu e uniu toda Ars. Amado e respeitado por todos os fiéis e pelo clero da Igreja, sua fama de conselheiro correu por todo o mundo cristão. Assim, ele se tornou um dos mais famosos confessores da história da Igreja. Conhecido também como “Cura d’Ars”, mais tarde, foi o pároco da cidade, onde morreu em 1858, sendo canonizado em 1925.

Sem dúvida, São João Maria Vianney é o melhor exemplo das palavras profetizadas pelo apóstolo Paulo: "Deus escolheu os insignificantes para confundir os grandes". Ser padre é isso, exatamente a vida inteirinha do seu padroeiro.

(Fonte: site da Canção Nova)