quarta-feira, 31 de março de 2010

Reconciliar na Matriz N. S. do Perpétuo Socorro.


Com devoção e piedade experimentamos mais uma vez a ação misericordiosa de Deus em nossas vidas.

Vários jovens estiveram presentes, das várias comunidades de nossa paróquia. Durante a celebração deste último Reconciliar, os Padres Eliomar e Jonas atenderam em confissão levando o abraço do Pai a todo e todas que buscaram.

Agora caminhamos para a Páscoa. Dia 10 de abril teremos nossa caminhada da Juventude com a Luz. Sairemos da comunidade Apolo XI e iremos até a comunidade Presidente Vargas (19h00).

terça-feira, 30 de março de 2010

DIA MUNDIAL DA JUVENTUDE-TERESINA

Neste Domingo de Ramos acolhemos em nossos corações o Senhor Jesus que humildemente nos convidou para vivenciarmos com Ele os mistérios da sua Paixão e Ressurreição. Esse convite ressoou fortemente na vida dos jovens que celebraram o 25º dia mundial da juventude.

Com o tema: "BOM MESTRE, O QUE DEVO FAZER PARA CONSEGUIR A VIDA ETERNA? (MC,10.17) Milhares de jovens se encontraram em todas as partes do mundo para manifestar a sua fé em Cristo Jesus.

Em Teresina-PI a juventude da Área Pastoral Santo Inácio , da Paróquia do Divino Espírito Santo, além de 70 alunos da Escola Santo Afonso marcaram presença no DMJ da nossa Arquidiocese. Participamos da Santa Missa presidida por Dom Sérgio da Rocha e em seguida nos alegramos com um trio elétrico puxado pela Banda Oz Piradinhos.

sábado, 27 de março de 2010

Pastoral Universitária de Teresina realiza Calourada Cristã na UFPI


Nesta sexta-feira dia 26 de março aconteceu a Calourada da Pastoral Universitária, no Espaço Rosa dos Ventos, ao lado da Biblioteca Central da Universidade Federal do Piauí - UFPI. A festa contou com a animação da banda católica Oz Piradinhos, o grupo de Hip-Hop do Campestre-PI e o grupo de dança da Escola Santo Afonso que animaram os universitários. O evento foi organizado pela Pastoral Universitária com o apoio da Arquidiocese de Teresina que conta com a colaboração dos Jesuítas Marcelo e Marcos.

BENDITO O REI, QUE VEM EM NOME DO SENHOR! PAZ NO CÉU E GLÓRIA NAS ALTURAS

HOSANA! Hosana ao nosso Rei! Acolhamos o Filho de Deus, que vem a nós como humilde rei e servidor, e o acompanhemos em sua trajetória rumo à cruz.

Com este domingo inicia-se a “grande semana”. Neste dia, a Igreja faz memória da entrada de Cristo Senhor em Jerusalém para ai realizar o seu mistério pascal. Na liturgia revivem e se revelam os dois aspectos fundamentais da Páscoa: a entrada messiânica em Jerusalém, como anúncio e figura do triunfo da sua ressurreição, e a memória da sua paixão, que marcará a libertação da humanidade do pecado da morte.



O significado da celebração está bem resumido e apresentado na admoestação inicial proposta pelo Missal para introduzir os fiés no espírito do rito: “Meus irmãos e minhas irmãs: durante as cinco semanas da quaresma preparamos os nossos corações pela oração, pela penitência e pela caridade. Hoje aqui nos reunimos e vamos iniciar , com toda a Igreja, a celebração da Páscoa de nosso Senhor. Para realizar o mistério de sua morte e ressurreição , Cristo entrou em Jerusalém, sua cidade. Celebrando com fé e piedade a memória desta entrada, sigamos os passos de nosso Salvador para que, associados pela graça à sua cruz, participemos também de sua ressurreição e de sua vida”. BERGAMINI, Augusto. Cristo Festa da Igreja, história, teologia, espiritualidade e pastoral do ano litúrgico. Paulinas, São Paulo, 1994. p. 295-296.

quinta-feira, 25 de março de 2010

25 de Março dia Mundial da CVX


Hoje os Leigos Inacianos e os Jesuítas estão em festa, celebramos o DIA MUNDIAL DA CVX (Comunidade de Vida Cristã).

Qué é a CVX?

A Comunidade de Vida Cristã (CVX) é uma comunidade mundial composta de pequenos grupos – em geral, abaixo de 12 membros – comprometidos a respeitar um modo de vida e a fazer a integração da comunidade com espiritualidade inaciana. O ímpeto vem da espiritualidade e da devoção a Nossa Senhora como modelo para ação. Do ponto de vista administrativo, a CVX tem uma estrutura descentralizada e flexível, com um conjunto de Princípios Gerais que são a linha mestra da comunidade mundial, nacional e local.
Cristo é centro para a vida na CVX. Assim, em todas as nossas atividades, local de trabalho, lar, paróquia, na esfera social e política também, nós somos orientados em direção a desenvolver uma profunda relação espiritual com Cristo e a exprimir isto agindo para o desenvolvimento comunitário e um mundo melhor.
Para o membro CVX, missão é a qualidade de sua presença em todas as áreas da vida. Pode ser expressa não somente em trabalhos de caridade, mas também na análise de estruturas objetivando despoluir o mundo. O ímpeto para a missão pode ser mais bem observado naqueles que buscam integrar a fé e a vida cotidiana, de modo a se tornarem mais conscientes da presença de Deus em todas as dimensões da vida e responderem com ações para mudar. A CVX nutre esta vida interior de seus membros através de práticas de oração diária, revisão de vida pessoal diária e dos Exercícios Espirituais com um retiro guiado.
O compromisso de um membro com o grupo cresce com a experiência da partilha de vida sob a perspectiva da fé: o que é comunicado é a interação da oração com a vivência. Com a partilha nesse nível profundo, nós apoiamos uns aos outros, mas também nos arriscamos com os outros. Ao fazê-lo, alcançamos o sentido de ser comunidade. Em contrapartida, isto nos ajuda a reconhecer os movimentos interiores de aproximação ou afastamento de Deus (consolação e desolação). Não somente de forma individual, mas também no grupo. Isto é discernimento. Discernimento é essencial para tomar boas decisões.
O sentido de comunidade naturalmente leva para a celebração de importantes eventos e datas importantes na vida do grupo. CVX é um lugar feliz de se estar. (para conhecer mais a CVX: http://sites.google.com/a/cvxbr.org/cvxbrasil/
COMUNIDADE VOCACIONAL SÃO PEDRO CLAVER

Na Comunidade Vocacional em Fortaleza, convidamos a leiga Rosa Frota para falar e testemunhar como é a vida de um membro da CVX, como se vivencia a espiritualidade de Santo Inácio no mundo hoje. Os vocacionados ficaram felizes e empolgados em perceber tanta dedicação e amor da Rosinha ao falar de sua vida e seguimento a Jesus Cristo como leiga inaciana.

quarta-feira, 24 de março de 2010

PARTILHA DE DEYVSON - GAVI DE MARÇO

Neste segundo final de semana de março tivemos o nosso primeiro GAVI de 2010 no núcleo Pe. Arrupe, Recife. Fomos orientados pelos jesuítas Ricardo e Paulo Airton, que assumirão os GAVIS neste período em que o Ir. Bira estará na Terceira Provação. Como de costume iniciamos nosso encontro com o momento de convivência no período da tarde, tempo de expor nossos anseios e questionamentos vocacionais (“Hoje na estrada encontrei alguém assim, que pensa como eu, que quer ser FELIZ...”).
Durante a noite assistimos ao filme “A Partida” que nos deixou como ponto de oração e reflexão para o descanso a importância da reconciliação. Reconciliar-se com O Jesus que nos chama com carinho, principalmente neste período Quaresmal, onde a igreja nos proporciona a oportunidade de adentrarmos em nós, para assim, encontrar a presença real do Bom Mestre, revisando nossas culpas e limitações. Crendo na graça do perdão.
No domingo após a oração comunitária, debatemos sobre o papel da Igreja diante da realidade socioeconômica em que vivemos com base no tema da Campanha da Fraternidade Ecumênica 2010: “Fraternidade e Economia”.
Inicio mais um ano de caminhada vocacional com moções que me deixam consolado e desejoso de buscar o “magis” em tudo que faço para a maior glória de Deus.

ACONTECEU O PRIMEIRO GAVI RECIFE...

terça-feira, 23 de março de 2010

CELEBRANDO OS 30 ANOS DO MARTÍRIO DE SÃO ROMERO DA AMÉRICA, PASTOR E MÁRTIR

VIVA SÃO ROMERO!!!
Trinta anos se passaram do martírio de São Romero de América, pastor e mártir nosso: 24 de março de 1980. Muitas pessoas, comunidades, organizações e instituições em El Salvador, em toda América Latina e no mundo inteiro celebram sua fidelidade e entrega radicais ao Deus de Jesus na fidelidade e entrega radicais aos pobres de El Salvador – “a imagem do Divino traspassado” “o povo crucificado, como Jesus, o povo perseguido como o servo de Javé”



Sem dúvida, é bom e mesmo necessário falar de Romero – sua conversão, seu serviço aos pobres, seu ministério pastoral, sua firmeza e fidelidade proféticas, sua perseguição, seu sofrimento, seu martírio etc –, recordar e reproduzir suas homilias dominicais, estampar sua imagem em camisetas e quadros e nas igrejas, cantá-lo nas celebrações etc. Mas o que importa mesmo é atualizar sua missão profética em nossa vida e ação pastoral. Não basta reler suas homilias e cartas pastorais, é necessário reler os sinais dos nossos tempos com o mesmo espírito evangélico com o qual Romero interpretava sua realidade e reagia ante essa mesma realidade, denunciando com clareza e radicalidade as atuais violações dos direitos humanos e favorecendo com todos os meios disponíveis as lutas concretas atuais pela transformação da realidade no dinamismo do reinado do Deus de Jesus de Nazaré.


Este é o modo autenticamente cristão de celebração/memória do martírio de Romero: atualização em nossa vida e ação pastoral de sua entrega a Deus na entrega aos pobres e oprimidos deste mundo. E é deste modo que a esperança, o desejo e a promessa proféticos de Romero se fazem realidade: “se me matam, ressuscitarei no povo salvadorenho”; “um bispo morrerá, mas a Igreja de Deus, que é o povo, não perecerá jamais”. É na denúncia cotidiana do pecado que escraviza e mata e na luta constante pela instauração do reinado de Deus neste mundo que Jesus, o Senhor, e Romero, seu discípulo fiel, se fazem presente entre nós.


Celebrar Romero é, portanto, unir-nos a ele, fazendo nossa a luta contra os poderes do mal e pela realização do reinado de Deus, cujo critério e cuja medida são sempre as necessidades da humanidade sofredora: “são os pobres os que nos dizem o que é o mundo e qual é o serviço eclesial ao mundo; são os pobres os que nos dizem o que é a ‘polis’, a cidade, e o que significa para a Igreja viver realmente neste mundo”. Só assim poderemos celebrá-lo evangelicamente e gritar sem hipocrisia: Viva Romero!!! Pois nosso grito não será mais que a proclamação profética de que Romero vive entre nós e vive, precisamente, através de nosso compromisso com a Causa dos pobres.


Viva São Romero!!! Que ele viva!!! Para a “glória de Deus” que é o “pobre que vive”!
(texto resumido do artigo de Francisco de Aquino Júnior - Presbítero da Diocese de Limoeiro do Norte – CE)

segunda-feira, 22 de março de 2010

CURSO DE LIDERANÇA JOVEM - PARÓQUIA N. S. PERPÉTUO SOCORRO - FORTALEZA




Domingo 21 foi dia de formação. Alguns jovens dos mais variados grupos de nossa paróquia, vieram e participaram de uma manhã de reflexão sobre o tema: "Juventude:Expressão e identidade na Igreja hoje". A proposta é formar líderes, oferecer uma formação permanente aos grupos e ao jovem que recebe o sacramento do crisma. O encontro foi facilitado pela Neide, hoje articuladora da Pastoral Social do Regional Nordeste I e agente da Pastoral do Menor. O resultado foi positivo. Agradecemos a presença da juventude, houve um gostoso ambiemte de conhecimento e partilha das várias experiências da caminhada em nossa paróquia e da Igreja hoje.

domingo, 21 de março de 2010

SENHOR, EIS AQUI O TEU POVO QUE VEM IMPLORAR TEU PERDÃO


Foi bonito ver Sábado (20/03) a noite, grupos de jovens caminhando em direção a Comunidade do Novo Mondubim (Fortaleza, Ce) para mais um momento de RECONCILIAÇÃO dos jovens em preparação a PÁSCOA. O perdão para a juventude é momento de festa, momento de voltar para o convívio com o Pai "vou voltar para a casa de meu pai" (Lc 15,18), pois, "é grande o nosso pecado, porém é maior o teu coração". O segundo RECONCILAR JOVEM de 2010 realizou-se à luz da parábola do PAI MISSERICORDIOSO (Lc 15 15,1-3.11-32) que nos acolhe com festa. Celebremos o PERDÃO, a festa da vida, junto ao Cristo que vive e nos quer dá VIDA NOVA. "O mundo velho desapareceu. Tudo agora é novo. E tudo vem de Deus que, por CRISTO nos reconciliou consigo e nos confiou o ministério da reconciliação" (2 Cor5,17-18).

sexta-feira, 19 de março de 2010

Viva São José - Padroeiro do Ceará


Oração a São José
A vós, S. José, recorremos em nossa tribulação e, depois de ter implorado o auxílio de Vossa Santíssima Esposa, cheios de confiança solicitamos também o Vosso patrocínio. Por este laço sagrado de caridade que Vos uniu à Virgem Imaculada Mãe de Deus, e pelo amor paternal que tivestes ao Menino Jesus, ardentemente Vos suplicamos que lanceis um olhar benigno para a herança que Jesus Cristo conquistou com seu Sangue, e nos socorrais em nossas necessidades com o Vosso auxílio e poder. Protegei, ó Guarda providente da Divina Família, a raça eleita de Jesus Cristo. Afastai para longe de nós, ó Pai amantíssimo, a peste do erro e do vício. Assisti-nos do alto do céu, ó nosso fortíssimo sustentáculo, na luta contra o poder das trevas; e assim como outrora salvastes da morte a vida ameaçada do Menino Jesus, assim também defendei agora a Santa Igreja de Deus contra as ciladas de seus inimigos e contra toda adversidade. Amparai a cada um de nós com o Vosso constante patrocínio a fim de que, a Vosso exemplo e sustentados por Vosso auxílio, possamos viver virtuosamente, morrer piedosamente e obter no céu a eterna bem-aventurança. Amém.

quinta-feira, 18 de março de 2010

Curso de Formação para liderança jovem

Acontecerá neste domingo 21 de março, o primeiro curso de liderança jovem para a juventude de nossa paróquia. O tema trabalhado será "Juventude: expressão e identidade na Igreja hoje".
A formação acontecerá na Comunidade Vocacional das 08h30 às 11h00. O desejo é ajudar na formação continuada dos jovens que saem dos grupos de crisma e desejam aprofundar sua vida e caminhada de fé. A facilitadora será Elzineide (Agente da Pastoral do Menor da Arquidiocese e Articuladora da Pastoral Social Nordeste I). Ainda há vagas, quem desejar procurar informações através do telef.: 3298 3108.

QUARESMA - REFLEXÃO - PARTE 1

Maria Clara Lucchetti Bingemer

Quaresma: Em busca de uma nova ascese

A Quaresma já vai avançada. Daqui a pouco mais de duas semanas terá início a Semana Santa, que culmina com a celebração da Paixão e da Páscoa. Durante este tempo, a Igreja convida os fiéis à penitência e à conversão, enquanto acompanham Jesus de Nazaré em seu caminho para a Paixão.Não se trata de uma prática antiquada e sem sentido para os dias de hoje. Trata-se de um tempo especial de purificação que prepare para viver o grande mistério da morte e ressurreição do Senhor. E neste processo, a ascese é de fundamental importância, embora a palavra esteja em desuso e possa provocar repulsa ou estranhamento.Vivemos em uma cultura movediça e cambiante onde os sentidos são acossados diariamente com estímulos constantes, para nos levar ao consumo desenfreado, à tirania do prazer, à avidez do ter e do possuir, aos quais é muito difícil resistir. Há profissionais talentosos regiamente pagos para descobrir nossas fragilidades e atingi-las.
Esta cultura transtorna nossa interioridade, pois trabalha fundamentalmente em nossos sentidos, provocando sensações às vezes tão intensas, refinadas e contínuas, que podem entrar em nós sem tornar-se percepções conscientes, e muito menos elaboradas com um pensamento próprio. Há, portanto, para cada um de nós, cidadãos da pós-modernidade, um risco constante de viver permanentemente no fluxo contínuo das sensações que chegam aos nossos sentidos.
Essas sensações começam a circular dentro de nós, nos seduzem e passam a formar parte de nosso universo interior. São direcionadas a nossas fomes e sedes naturais, e excitam as fomes e sedes artificiais e fictícias provocadas pelo mercado. Sutilmente ou mesmo grosseiramente, vão se apropriando de nossos sentimentos e de nossas decisões. Esta maneira de viver, submetidos a adicções criadas e mantidas artificialmente, começa a impedir-nos de enfrentar a realidade e seus desafios. Vai gerando em nós alienação, e condutas viciadas e compulsivas. (em breve colocaremos a segunda parte. Fonte:http://amaivos.uol.com.br/amaivos09/ ).

quarta-feira, 17 de março de 2010

CAMINHADA PENITENCIAL

A Arquidiocese de Salvador promoveu, no 3º domingo da Quaresma, 07 de março, sua tradicional Caminhada Penitencial. O evento foi uma demonstração pública da fé do povo baiano, marcada pela conversão e pela peregrinação. As atividades foram iniciadas na manhã do domingo, na frente da Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, com uma celebração eucarística presidida pelo cardeal arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, Dom Geraldo Majella Agnelo.
No final da celebração, os fiéis sairam da Igreja e caminharam em procissão até a Igreja do Bonfim.Iniciada há mais de 20 anos, a caminhada penitencial em Salvador é marcada, entre outras coisas, pela passagem da cruz pelas mãos do povo, pela doação de alimentos às Obras Sociais Irmã Dulce e pela peregrinação; símbolos que, segundo a arquidiocese, inspiram a comunhão espiritual, a unção e a vivência renovada da fé.
Durante todo o percurso, vários padres seguiram confessando as pessoas que desejavam aproximar-se do sacramento da reconciliação. (Pe. Agnaldo Júnior SJ)

Diác. Jean Fábio - Partilha

Olá! Sou Jean Fábio, um dos quatro jovens Jesuítas ordenados no dia 30 de janeiro deste ano.
Atualmente estou na Guatemala, fazendo um curso de espiritualidade. Tem sido uma experiêcia muito bonita. O curso nao está pautado em reflexões teóricas acerca da vida espiritual de uma pessoa ou comunidade, mas sim a partir de uma dinâmica que nos leva a experimentar e vivenciar aquilo que será teorizado depois.
Conheci a Companhia de Jesus por meio do Pe. Eliomar.SJ, no ano de 1996, época em que ele se encontrava na etapa do “Magistério” na cidade de Salvador-Ba. Eliomar tinha sido convidado pela pastoral da juventude da Diocese de Alagoinhas para desenvolver o tema correspondente à celebração do Dia Nacional da Juventude, do respectivo ano citado acima. Neste dia, um dos membros do grupo de jovens, ao qual eu participava, entrou em contato mais pessoal com Eliomar. Foi aí que Eliomar fez o convite ao grupo “JOIA” (Jovens Irmãos e Amigos) para participar de uma missão juvenil que se realizaría no final deste mesmo ano. Três jovens disseram sim ao convite feito. Claro! um destes era eu, que, como podem constatar, vim para ficar!
Hoje, sou um joven jesuíta muito grato por toda a graça recebida durante cada etapa de formação vivida na Companhia de Jesus. Olhando para mina caminhada, posso comprovar o quanto Deus me favoreceu uma experiência de hunanização de minha humanidade por meio de muitos daqueles que foram responsáveis por mim em determainadas etapas de formação. Destaco aquí a etapa dos estudos teológicos. Este foi um tempo onde pude ver concretizando-se muito do que tinha aprendido e do era orientado a realizar desde as primeiras etapas. Durante a teología, assumi minha missão de estudar levando em conta, conscientemente, toda a minha realidade pessoal (qualidades, defeitos), me implicando na hora de responder a cada exigência própria da missão, como: os estudos acadêmicos, a vida comunitária, o serviço pastoral, a vida espiritual, etc…. Me percebi assumindo o compromisso de responder às minhas responsabilidades de maneira que pudesse crescer e experimentar-me como pessoa, pois, tinha conscienciência de que só assim, poderia ser uma pessoa melhor na vida de outros!!!!
*** *** *** ***
Agradeçemos ao Jean, Álvaro, Sérgio e Moisés, pelos bonitos e inspirados depoimentos que nos enviaram, com este último testemunho, conhecemos os 4 jesuítas jovens que serão ordenados presbíteros (padres) em julho próximo. Continuemos em sintonia. Pe. Laércio.sj (Comunidade Vocacional - Fortaleza). Mandai Senhor "operários" para a vossa missão...

terça-feira, 16 de março de 2010

Fortaleza - Vocacionados se reúnem no Postulínter


No primeiro Postulínter de 2010, acontecido no CEFORDS - Centro de Formação das Irmãs Salvatorianas, cerca de 60 jovens postulantes à vida religiosa reuniram-se para refletir sobre o Seguimento a Jesus no Discipulado Cristão. O encontro, coordenado pela CRB/CE - Comissão dos Religiosos do Brasil -, já é tradicional entre aqueles que postulam entregar a vida ao serviço do Reino de Deus através da vocação específica, como Religioso ou Religiosa.Em dois dias de encontro, mais de 15 Congregações presentes no Ceará lá estavam, entre elas, a Companhia de Jesus - Jesuítas. Para o vocacionado Alexandre Carneiro (vocacionado Jesuíta), o encontro foi marcante porque "fez refletir mais sobre o sentido da vida religiosa hoje".A assessoria ficou sobre a responsabilidade do Jesuíta Pe. Jonas Caprini, SJ, capixaba de Iconha, que acompanha os jovens na Comunidade Vocacional São Pedro Claver.

Degles Serqueira, vocacionado jesuíta.

Juntando o útil ao agradável!!!

Recebemos em nossa Comunidade Vocacional, os jovens do Projeto Juventude da comunidade Família Cristã, domingo a tarde. Eles chegaram pontualmente as 15h e logo começamos uma formação sobre a quaresma. Muitas perguntas apareceram, como também, era perceptível o desejo de conhecer para mais amar a história de nossa fé, de nossa Igreja e do Cristo. Trabalhamos as raizes de nossa fé, o sentido, surgimento e atualização da Quaresma e da Páscoa. Foi um momento de muito crescimento. Agradecemos a presença desta comunidade em nossa casa, rezamos, estudamos, e sorrimos muito, por isso juntamos o útil (a casa) ao agradável (a presença da juventude e o meomento que vivenciamos). Deus abençõe a todos. Pe. Laércio.sj

O PAPA A JUVENTUDE E AS VOCAÇÕES






Papa faz convite a jovens: considerar a vocação
As Jornadas Mundiais da Juventude são uma “iniciativa profética” de João Paulo II
Por Roberta Sciamplicotti
CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 15 de março de 2010 (ZENIT.org).- Bento XVI convida os jovens a colocar-se à escuta de Deus para descobrir qual é o plano pensado por Ele para as suas vidas, na Mensagem para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) deste ano, divulgada hoje.

A JMJ de 2010, cujo tema é “Bom Mestre, o que devo fazer para alcançar a vida eterna?”, supõe um acontecimento especial, afirma o Papa, ao cumprir-se o 25º aniversário da instituição destes encontros pelo Papa João Paulo II.
O Pontífice afirma que a iniciativa do seu predecessor foi “profética”, sublinhando que “trouxe frutos abundantes, permitindo às novas gerações cristãs encontrarem-se, entrarem em atitude de escuta da Palavra de Deus, de descobrir a beleza da Igreja e de viver experiências fortes de fé que levaram muitos à decisão de entregar-se totalmente a Cristo”.

O lema da JMJ deste ano se refere ao episódio do encontro de Jesus com o jovem rico, tema já abordado por João Paulo II em 1985, em sua primeira carta dirigida aos jovens.

Projeto de vida
No jovem do Evangelho, explica Bento XVI, “podemos ver uma condição muito similar à de cada um de vós”.

Também vós sois ricos de qualidade, de energias, de sonhos, de esperanças: recursos que vós possuís em abundância! – escreve o Papa. A vossa própria idade é uma grande riqueza, não somente para vós, mas também para os outros, para a Igreja e para o mundo.”

A etapa da vida em que estais imersos é tempo de descoberta: dos dons que Deus vos deu e das vossas responsabilidades”, recorda, acrescentando que é também “tempo de escolhas fundamentais para construir vosso projeto de vida”.
É o momento, portanto, de interrogar-vos sobre o autêntico sentido da existência e de perguntar-vos: ‘Estou satisfeito com minha vida? Está faltando alguma coisa?’.”

O Papa reconhece que os jovens, como aquele do Evangelho, talvez vivam “situações de instabilidade, de turbação ou de sofrimento”, que os levam a “aspirar a uma vida que não seja medíocre” e a perguntar-se “em que consiste uma vida bem sucedida?” e “qual poderia ser o meu projeto de vida?”, para que esta tenha “pleno valor e sentido”.

Não tenhais medo de enfrentar essas questões! – exorta. Longe de oprimir-vos, elas expressam as grandes aspirações que estão presentes em vosso coração.”

“Portanto – acrescenta –, devem ser ouvidas. Elas aguardam respostas que não sejam superficiais, mas capazes de atender às vossas autênticas expectativas de vida e de felicidade”.

Para descobrir o projeto de vida que pode tornar-vos plenamente felizes, colocai-vos à escuta de Deus, que tem um plano de amor por cada um de vós”, aconselha o Papa.
“Com confiança, perguntai-lhe: ‘Senhor, qual é o vosso plano de Criador e Pai sobre a minha vida? Qual é a vossa vontade? Eu desejo realizá-la’. Tende certeza de que Ele vos responderá. Não tenhais medo da sua resposta!”

Acolher a vocação
Por ocasião do Ano Sacerdotal, o Pontífice dedicou um pensamento especial àqueles que sentem o chamado à vida consagrada.
Neste sentido, convidou os jovens a estarem “atentos se o Senhor convida para um dom maior, na via do sacerdócio ministerial, e a permanecer disponíveis para acolher com generosidade e entusiasmo este sinal de especial predileção, traçando, com a ajuda de um sacerdote, do diretor espiritual, o necessário caminho de discernimento”.

A vocação cristã “brota de uma resposta de amor do Senhor e só pode se realizar graças a uma resposta de amor”, sublinha o Papa.

Não tenhais medo, então, queridos jovens e queridas jovens, se o Senhor vos chama à vida religiosa, monástica, missionária ou de especial consagração: Ele sabe doar profunda alegria àqueles que respondem com coragem!”

Da mesma forma, convidou os que sentem o chamado ao matrimônio a “acolhê-lo com fé, empenhando-se em colocar uma base sólida para viver um amor grande, fiel e aberto ao dom da vida, que é riqueza e graça para a sociedade e para a Igreja”.
Em todos estes casos, trata-se de responder ao projeto que Deus tem para cada um. “A exemplo de muitos discípulos de Cristo, também vós, queridos amigos, acolhei com alegria o convite para o discipulado, para viver intensamente e de modo frutífero neste mundo”, conclui o Papa.

“Nunca é tarde demais para responder-lhe!”

(fonte: zenit)

segunda-feira, 15 de março de 2010

RECONCILIAR JOVEM - 2010, FORTALEZA

Perceber a juventude experimentando a PRESENÇA do SENHOR é algo especial. Optar por Cristo, viver em Cristo, reconhecer a misericórdia e o abraço do Pai, é também algo muito especial. Foi o que vivenciamos sábado passado na comunidade do Conjunto Esperança.

Continuemos rezando para que nosso RECONCILIAR ajude a juventude numa aproximação maior de Deus.

domingo, 14 de março de 2010

RECONCILIAR JOVEM NA CIDADE JARDIM - TERESINA

Depois da Comunidade Anita Ferraz chegou a vez da Cidade Jardim! A expectativa para o RECONCILIAR JOVEM era muito grande. Nos reunimos várias vezes para ensaiar os cantos, fazer velinhas e por fim, preparar o espaço litúrgico. Tudo estava pronto com muito carinho para experimentarmos a reconciliação com Deus, com o próximo e consigo mesmo.

" Aquela noite foi muito especial para mim. Chegar na Capela e experimentar a escuridão para, logo depois, perceber a Luz da Misericórdia de Deus em minha vida, era tudo o que eu precisava para novamente sentir-me acolhida por Deus." Lídia

E como na parábola do Pai Misericordioso, depois da reconciliação, saboreamos um delicioso lanche oferecido pela comunidade.







Próximo RECONCILIAR na Área Pastoral Santo Inácio
dia 20/03 as 19h na Vila Nova e dia 21/03 as 18h na Socopo.

quinta-feira, 11 de março de 2010

Testemunho de um amazonense e notícias da Comunidade Vocacional


Márcio Fernandes Conceição
Quando os dias no Amazonas passavam e a data da partida para casa vocacional dos Jesuítas se aproximava, apreensão tomava conta do meu coração, afinal, às vezes nos encontramos com temor ao novo e assim ,sem perceber, vamos nos fechando para o projeto de Deus.
Projeto que o Pai prepara para nós já bem antes de nós nascermos, assim como o chamado de Jeremias “ Antes que te formastes no ventre de tua mãe eu o conheci; antes que você fosse dado a luz, eu o consagrei, para fazer de você profetas das nações” Jr 1,5.
E foi se espelhando nas palavras do Senhor a Jeremias que vim colocando-me nas mãos do Senhor com muita fé, naquilo que Deus naquele momento me propusera, “Sai da tua terra, do meio de seus parentes e da casa do seu pai, e vá para a terra que eu lhe mostrarei” Gn 12,1
Assim, eu (Itacoatiara-Amazonas), juntamente com meus irmãos de caminhada, Gabriel Leitão (Manaus-Am) e Silvio Rosas (Novo –Aripuanã-Am) embarcamos com destino a Fortaleza-CE, chegando no dia 18 de Fevereiro de 2010 às 5:10 horas, deixando um pouco de nossas vidas e as pessoas que amamos, para nos entregar nas mãos do Senhor que tudo nos dá de bom.
Quando chegamos, nos encontramos com Padre Jonas que nos aguardava no Aeroporto e logo depois já na casa, com Padre Laércio, nossos formadores. À primeira vista pessoas muito boas e que veio a ser confirmado neste tempo em que já estamos convivendo na casa.
Na chegada pude perceber, que Fortaleza tem muitas coisas em comum com Manaus, tornando o impacto da mudança menos sentida. As pessoas são acolhedoras, a flora tem muito em comum com a Região Norte, o calor tão forte como de Manaus, embora, que o vento aqui ajuda a refrescar bastante. Eu particularmente me senti em casa, dando graças a Deus por este ano de reflexão e decisão em minha vida.
Enquanto conhecíamos um pouco deste chão, pouco a pouco nossos amigos de experiência iam chegando vindos da Bahia, Piauí, Pernambuco e Paraíba trazendo em suas bagagens suas experiências, alegrias, culturas e fé, o que tem nos completado como pessoas e brasileiros que somos.
Neste espírito de irmandade fomos para uns dias de convivência em uma casa situada na praia do Presídio (Iguape). Lá, em meio a cantos, brincadeiras e orações, o valor da amizade e o espírito da comunidade Inaciana nos tornavam mais amigos e cheios do Espírito Santo .
Neste local, pela primeira vez também, foi possível ter admirado e sentido o mar, já que nosso estado tem imensidão de rios, mas, mar somente um de nós tinha visto. Para mim, foi grandioso e pude assim, contemplar o que o salmista diz “Quando contemplo o céu, as obras dos teus dedos, a lua e as estrelas que fixaste... O que é o homem, para dele te lembrares?” Sl 8,4-5.
Pude sentir assim a grandeza de Deus em nossas vidas, e como muitas vezes nos tornamos pessoas egoístas a ponto de não nos admirarmos com tanto esplendor na criação de Deus. Toda essa experiência acompanhou de forma grandiosa nossos dias de convivência.
Depois que saímos da semana de convivência, nas semanas depois, fomos conhecer as comunidades simples da Paróquia Nossa Senhora do Perpetuo Socorro do Bairro do Mondumbim. Comunidades de pessoas humildes, acolhedoras e cheias de fé que aos pés da mesa da palavra e da Eucaristia doam a sua vida. “ Eu te louvo, Pai, Senhor do céu e da Terra, porque escondestes essas coisas aos sábios e inteligentes e as revelastes aos pequeninos”Mt 11,20. E são nestes pequeninos, que vemos a imagem do Cristo pobre e que necessita de pessoas que com suas vida possam dar ânimo pastoral, afim, de que eles continuem firmes junto ao Cristo e a sua Igreja. Também conhecemos o lar Torres de Melo, lar que cuida de idosos. No Lar, vi em cada um daqueles que ali estavam, indefesos e carentes, muitas vezes de um amor familiar, os rostos acolhedores de meu pai e minha mãe, tocando profundamente meu coração e os dos meus amigos. Estar ali cuidando daqueles que um dia tiveram como nós, suas forças vitais completas, tendo eles também, sua história de vida e suas experiências é uma honra para mim e creio que para todos da casa vocacional que estarão lá fazendo seu voluntariado.
Que maravilha neste ano poder sentir esse amor pelas pessoas, refletindo na graça de Deus de como servir melhor ao senhor em sua messe, tendo em nossas mãos a oração Inaciana que todos os dias nos coloca nos braços de Deus. Viver isso não tem preço, é de uma riqueza inigualável, todo o homem deveria dar um pouco de seu tempo para fazer uma experiência dessas para ver se sua vocação não seria de ser padre ou irmão, tenho certeza que isso lhe engrandeceria e com certeza formaria Cristãos mais humildes e despojados de si, para os outros.
Que este ano nesta casa vocacional de são Pedro Claver que tanto nos acolheu com amor, possamos refletir com alegria que o senhor nos chama e assim felizes escutar sua voz e responder: “Fala Senhor, que teu servo escuta” ISm3,10 e assim, para maior glória de Deus poder servi-lo melhor com nossa vocação específica.

Pe. Donizetti Marinho Pires.sj na Paz do Senhor!!!


Nasceu: 14-03-30
Entrou na Companhia de Jesus: 30-04-50
Prestes a completar 80 anos de vida, hoje recebemos a notícia do falecimento, estavamos nos preparando para a sua festa no domingo próximo, Eucaristia e almoço, com direito a familiares e amigos. A vida é assim, o mais importante é percebermos que não somos de fato, donos do tempo. Apreveitemos e nos entreguemos cada vez mais com alegria e dedicação, assim como fez Pe. Pires, que alegremente levava consigo um pires no bolso de sua camisa e logo que alguém lhe perguntava seu nome, ele retirava calmamente e jocosamente o pires, a partir daí, nao é dificil imaginar o resultado. Com sua simplicidade e carisma, sempre foi um grande homem!
A biblioteca da Comunidade Vocacional tem o seu nome desde 2003. Uma justa homenagem, uma vez que ele foi sempre muito preocupado com a pastoral vocacional e com o bem estar dos vocacionados. Em sua juventude, não media esforços para trazer jovens à Companhia de Jesus.
Rezemos juntos. Obrigado Pe. Pires, pelo seu bonito testemunho. AMDG

COMUNIDADE VOCACIONAL SÃO PEDRO CLAVER - JESUÍTAS - FORTALEZA


Em noite de festa regada de comes e bebes e animada com vídeo clipes de nossa mpb e Mercedes Sosa a Comunidade Vocacional São Pedro Claver 2010 deu posse ao novo bedel (coordenador do grupo) e distribuiu os novos cargos entre os vocacionados para uma melhor organização do dia-a-dia da casa. Cada um recebeu o símbolo representativo de sua tarefa, neste primeiro semestre, num clima alegre e cordial, próprio de quem está disponível e desejoso para servir. "Eu fico com a pureza da resposta das crianças. É a vida, é bonita e é bonita. Viver, e não ter a vergonha de ser feliz. Cantar e cantar e cantar. A beleza de ser um eterno aprendiz. Ah meu Deus eu sei, eu sei que a vida devia ser bem melhor e será. Mas isso não impede que eu repita. É bonita, é bonita e é bonita ..."

terça-feira, 9 de março de 2010

Encontro com UNIVERSITÁRIOS na Comunidade Vocacional em Fortaleza

Dia o7 passado, tivemos o nosso primeiro encontro de jovens universitários em nossa Comunidade Vocacional São Pedro Claver. A experiência foi bastante positiva. Participaram 40 jovens, tivemos um pouco de tudo, vídeo, música (mpb), partilha, oração, comida, e muito papo.


Já montamos uma equipe para pensar os próximos encontros! Em abril teremos um retiro para jovens universitários, dessa vez será aberto a todos os jovens universitários não só de nossa paróquia, mas sim todos que quiserem fazer uma experiência inaciana. Será no Sítio Santo Afonso (Eusébio). Estamos gratos pela presença da juventude, foi bonito perceber em suas partilhas, como a fé é um elemento importante para eles e elas em sua caminhada universitária, embora tantas dificuldades impostas.

video

para ver o vídeo aperte play!!!

ACONTECEU O RECONCILIAR NA ANITA FERRAZ-TERESINA

" O Reconciliar Jovem na Anita Ferraz foi maravilhoso. Realmente pude experimentar a misericórdia de Deus em minha vida. Fui abraçada e amada incondicionalmente pelo Pai misericordioso e muitas escuridões se afastaram do meu coração. Obrigado Senhor pela Luz do teu perdão, do teu amor e do teu abraço reconciliador."
Rubi



E a Juventude da Área Pastoral Santo Inácio continua no clima do Reconciliar.
Próximo sábado dia 13 as 19h na Cidade Jardim.

Bento XVI e Matteo Ricci - Jesuíta


Bento XVI: Matteo Ricci amou Igreja e povo chinês


Telegrama do Papa a um congresso italiano sobre o missionário


ROMA, segunda-feira, 8 de março de 2010 (ZENIT.org).- O Pe. Matteo Ricci sempre nutriu um profundo amor pela Igreja e pelo povo chinês: é o que recorda Bento XVI em um telegrama enviado ao congresso internacional “Ciência, razão e fé.


O gênio do Pe. Matteo Ricci”, realizado em Macerata (Itália), por ocasião dos 400 anos da morte do missionário jesuíta.


Na mensagem, assinada pelo cardeal Tarcisio Bertone, secretário de Estado vaticano, e lida durante os 3 dias de estudo que terminaram no último sábado, o Papa expressa “vivo apreço pela significativa manifestação, encaminhada a dar a conhecer a extraordinária obra cultural e científica do Pe. Matteo Ricci, nobre filho desta terra, como também seu profundo amor à Igreja e seu zelo pela evangelização do povo chinês”.
Em uma carta enviada em fevereiro a Dom Claudio Giuliodori, bispo de Macerata, por ocasião do início das celebrações do 4º centenário de Ricci, o Papa sublinhou do jesuíta a “inovadora e peculiar capacidade de buscar a possível harmonia entre a nobre e milenar civilização chinesa e a novidade cristã”.


O Papa destacou a “estratégia pastoral” do jesuíta, que permaneceu na China durante 28 anos, e a “profunda simpatia que nutria pelos chineses, pela sua história, pela sua cultura e tradição religiosa”, que “converteu em original e – poderíamos dizer – profético seu apostolado”. (fonte: ZENIT)

domingo, 7 de março de 2010

GAVI - FORTALEZA


Neste último final de semana (06 e 07 de março) aconteceu o primeiro GAVI do núcleo vocacional do Ceará. Estiveram presentes na Comunidade Vocacional São Pedro Claver 10 jovens desejosos de aprofundar a vocação à Companhia de Jesus. O tema trabalhado foi a CFE 2010 (Campanha da Fraternidade Ecumênica) - Fraternidade e a Economia. Contamos com o apoio dos vocacionados internos Gabriel e Rafael para a reflexão e animação do encontro. Também marcou presença no encontro o Provincial da BNE (Província Brasil Nordeste) Pe. Acrízio, SJ. Partilhas, reflexões, orações e amizades marcaram estes dias. "Procurando a liberdade caminheiro, procurando a liberdade também vou, procurando a liberdade que é vida, procurando a liberdade vou viver, procurando eu vou, na esperança eu vou, ariscando eu vou, caminhando eu vou ... "

terça-feira, 2 de março de 2010

COMUNIDADE DO PEREGRINO - A CASA É NOSSA!





A COMUNIDADE DO PEREGRINO em TERESINA continua de portas abertas para a juventude.


Pode chegar para REZAR, PARTILHAR, BRINCAR, CONTEMPLAR, TROCAR IDEIAS e assim, continuarmos tecendo sonhos e aquecendo corações. SEJA BENDITO QUEM CHEGA!!!


Logo estaremos postando nossa programação para a Quaresma e Páscoa.

segunda-feira, 1 de março de 2010

Falecimento e Missa de sétimo dia do Pe. Marcelo Azevedo.SJ


Não poderíamos deixar de prestar esta homeganem a este grande Jesuíta que tão bem soube viver sua vida de consagrado e de intelectual. Soube fazer aquilo que deveria fazer, ser bom, ser serviçal, ser instrumento de Deus.

Segue matéria retirada do site da CNBB:

Missa de Sétimo Dia do padre jesuíta Marcello de Carvalho Azevedo


Seg, 01 de Março de 2010 11:50 cnbb

No último dia 24 de fevereiro, em Belo Horizonte, faleceu do mal de Alzheimer, o Teólogo e Antropólogo, padre jesuíta Marcello de Carvalho Azevedo, aos 82 anos de idade.
Padre Marcello foi autor de vários livros de teologia, entre os quais o famoso “Teologia da Inculturação e Inculturação da Teologia”, sua tese de doutorado defendida na Pontifícia Universidade Gregoriana, Roma, onde também foi professor, e o “Entroncamentos & entrechoques, vivendo a fé em um mundo plural”.
Várias de suas obras foram traduzidas para o francês, o inglês e o espanhol. Ele era conhecido internacionalmente, pois assessorou inúmeros grupos de religiosos em diversas partes do mundo.
Muito jovem, foi superior provincial dos jesuítas que atuavam nos estados de Minas Gerais, Goiás e Distrito Federal. Foi ele o criador do Centro Cultural de Brasília que hoje abriga o Centro de Investigação e Ação Social - Instituto Brasileiro de Desenvolvimento – CIAS – IBRADES. Quando o CIAS-IBRADES mudou-se do Rio de Janeiro para Brasília, padre Marcello foi o seu primeiro diretor.
Marcello de Carvalho Azevedo foi presidente da Conferência dos Religiosos do Brasil – CRB, em dois períodos distintos.
O padre Marcello de Carvalho Azevedo nasceu em Belo Horizonte no dia 18 de abril de 1927. Era filho de Josué de Azevedo e Dona Benvinda de Carvalho Azevedo. Foi batizado e Crismado, por dom Cabral, na Igreja de São José, no centro da Capital mineira.Foi aluno do Aloisianum no Rio de Janeiro e ingressou no noviciado da Companhia de Jesus, em Nova Friburgo no dia 01 de fevereiro de 1944. Sua formação até a filosofia continuou no Colégio de Nova Friburgo (RJ).Fez o seu magistério como professor no Colégio Pio Brasileiro de Roma e nesse mesmo tempo fez o mestrado em Filosofia na Universidade Gregoriana. Daí seguiu para fazer a Teologia na Teologische Fakultat de Frankfurt, Main, Alemanha.
Foi ordenado sacerdote pelo núncio da Alemanha, dom Edmundo Munck.Em 1958 ele foi convocado para assumir interinamente o programa brasileiro da Radio Vaticano e foi o primeiro a anunciar a todo o Brasil a morte do Papa Pio XII, conforme artigo que encontramos no Correio da Manhã.Voltou para o Brasil para fazer sua Terceira Provação em Três Poços,(MG), retornando em seguida a Roma, para fazer o mestrado em Teologia na universidade Gregoriana. Fez seus últimos votos no Gesú.
De 1963 a 1971 foi Provincial da vice-província Goiano-Mineira e de 1968 a 1977 foi Presidente Nacional da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB). Depois foi diretor e pesquisador do Centro João XXIII e IBRADES.Padre Marcello caracterizava-se pela sua aplicação e dinamismo no campo da vida religiosa, a qual dedicou boa parte das suas atividades no Brasil e no exterior.
Suas palestras, artigos, livros foram por demais apreciados, alguns deles traduzidos em vários idiomas. E, as vezes, ele mesmo os traduzia.Sua vida foi marcada num primeiro momento, como Provincial da jovem Vice-Província Goiano Mineira, quando elaborou os planos e projetos de otimização e, depois foi a CRB, quando teve que enfrentar sérios problemas administrativos naquela época.
No Centro João XXIII imprimiu sua característica de organização e eficiência. Seu currículo se estende por mais de trinta páginas, elencando livros, artigos, catequeses, palestras, congressos, participações e cursos por mais de 28 países.Religioso preocupado com a vida espiritual foi um homem de acolhimento fácil, amigo, dotado de sensibilidade e respeito pelos outros, muita oração, estudo e trabalho.